Dor no Pescoço: Possíveis Causas, Saiba Quando Deve Se Preocupar

0
115

Deu aquele jeitinho no pescoço ou está suspeitando de algum problema mais sério? Então fica ligado neste artigo porque a gente cita algumas das principais causas de dor no pescoço, dicas de tratamento em casa mesmo e quando é importante que você procure um médico.Dor no Pescoço

Entendendo a dor no pescoço

Certamente você já sentiu dor no pescoço alguma vez na vida, pois é uma queixa muito comum e qualquer pessoa pode sentir. Pode ser levemente sentida após um estalo forte, ou falta de postura correta e até ser sintoma de doenças reumáticas. É considerada dor comum, rotineira, mas dependendo do grau e do período de tempo que sentir a dor, pode ser algo mais sério.

O que pode ser dor no pescoço?

Podem ser inúmeras as possíveis causas para dor no pescoço. As principais e mais comuns são:

  • Após movimentos repetitivos ou determinadas posturas no dia a dia, como no caso de algumas profissões como dentista, manicure, entre outras.
  • Pessoas que passam muito tempo no computador, trabalhando ou por entretenimento, também podem relatar dor no pescoço e coluna.
  • Atividades físicas podem causar fadiga no corpo todo e um cansaço muscular na região do pescoço, ombros e trapézio; além do reflexo do cansaço, existe a possibilidade de a pessoa se machucar durante o exercício por carregar peso incorretamente ou por fazer algum esforço errado, gerando a distensão muscular na área.
  • Alguma posição na qual ficou por muito tempo, como vendo TV, falando ao telefone, lendo um livro ou com a cabeça apoiada em seu punho.
  • Tensão de estresse também pode ser direcionado ao pescoço, deixando a área completamente tensa e rígida, levando a dores.
  • Movimentos bruscos e lesões externas também levam a dores no pescoço como freada brusca ou acidente de carro (efeito chicote e estiramentos), quedas, traumas na parte de trás da cabeça e afins.

Já nos casos mais sérios, as dores no pescoço podem surgir como sintoma de problemas de saúde. São alguns:

  • Gripes trazem dores generalizadas pelo corpo, incluindo essa região.
  • Meningite causa inflamação em torno do tecido da medula espinhal, levando a dores no pescoço.
  • Condições de sintomas crônicos, como fibromialgia e artrite reumatoide também.
  • Em casos de rigidez muscular grave, a pessoa pode ter torcicolo, de modo que impossibilite movimentação da cabeça e muita dor.
  • Pinçamento nervoso, indicando que há algum nervo que emerge da sua coluna que esteja preso ou irritado.

Em todos os casos, recomendamos que procure um médico o quanto antes para lhe indicar o melhor tratamento.

Quando devo me preocupar com dor no pescoço?

Dê uma atenção maior caso sinta a dor no pescoço aumentar com o tempo ou venha acompanhada de dormências, dores na coluna, formigamentos pelo corpo, perda de força dos braços e mãos, dor no peito ou falta de ar. Tais sintomas à parte podem ser sinal de algo mais sério como ataque cardíaco ou até tumores.

Cuidado também caso esteja tomando algum tipo de medicamento que resulte em efeitos colaterais com dores no pescoço. Fique atento a históricos genéticos também, pois alguns cânceres ou infecções podem ter como sintoma a dor no pescoço. O melhor a se fazer é relatar suas dúvidas ao seu médico. Inicialmente recomenda-se um ortopedista, o qual pode lhe encaminhar a outras especialidades, se necessário, como reumatologista, neurologista ou fisiatras.

Tratamento para dor no pescoço

Para dores cotidianas e provocadas por atividades físicas sem lesão, você pode:

  • Fazer alongamentos.
  • Aplicar compressa de água morna para relaxar a área e aumentar a circulação sanguínea.
  • Pedir para seu companheiro ou amigo lhe fazer uma massagem com óleo especial, de leve, apenas para relaxar a região.
  • Maneirar nos exercícios físicos e fazer corretamente, além disso procure corrigir sua postura e formas de apoio em mesas no dia a dia, isso pode realmente fazer a diferença.
  • Cuidado com a forma que seu colchão criou com o tempo, pode estar te fazendo mal e quem sabe não seja a hora de mudar de posição ou comprar outro colchão; além disso, verifique a altura do seu travesseiro para melhor conforto ao dormir.  Dores no Pescoço

Com as dores persistindo por mais de 3 dias, procure um médico. Após um diagnóstico detalhado, existem várias possibilidades de tratamento que ele pode lhe indicar, indo desde fisioterapia, acupuntura a massagens terapêuticas; para o dia a dia, ele pode te receitar algum analgésico ou relaxante muscular para seu caso (não pratique a automedicação). Converse bem sobre sua dor no pescoço e outros sintomas e garanta um tratamento apropriado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here