Infecção Urinária: Causas, remédios, com sangue, em homem, tratamento

0
479

Quando o sistema urinário que envolve rins, bexiga, uretra e ureteres sofre com um quadro infeccioso damos o nome de infecção urinária ou infecção do trato urinário. Essa infecção se dá pela presença de microorganismos na região, geralmente bactérias, sendo as mais comuns as de nome Escherichia coli. Dentre os tipos existentes de infecção urinária temos a cistite (na bexiga), uretrite (na uretra), pielonefrite (nos rins) e também infecção nos ureteres.

O ideal é procurar um médico nefrologista a partir da aparição dos primeiros sintomas para qualquer um dos tipos da doença. E para conhecer quais são essas reações primárias e evitar quaisquer agravamentos, continue na leitura e aprenda mais sobre infecção urinária.Infecção Urinária

Sintomas da infecção urinária

É fácil identificar a doença através dos seus sintomas logo no início. Mas também saiba que os sintomas variam de acordo com o tipo da infecção e do nível que ela se encontra no indivíduo. Conheça os principais logo abaixo:

  • Ardência ao urinar ou disúria;
  • Sensação de urgência para urinar, mesmo tendo urinado há pouco tempo;
  • Sensação de que ainda há urina na bexiga, de que não esvaziou completamente;
  • Maior frequência para urinar, principalmente à noite (noctúria);
  • Sintoma raro: Sangue ao término de urinar;
  • Urina de cor diferente, provavelmente mais escurecida;
  • Urina com odor mais forte que o normal;
  • Dores na região pélvica, como no reto;
  • Casos mais graves: Mal estar, dores na coluna e febre.

Causas da infecção urinária

A infecção urinária ocorre quando uma bactéria entra no organismo através do sistema urinário da pessoa por meio da uretra. Ao entrar, ele começa a se multiplicar na bexiga. O normal é que o trato urinário ajude a expelir esses organismos anormais no corpo, porém qualquer falha na imunidade ou na função do sistema pode fazer com que as bactérias fiquem mais fortes, aumentem em quantidade e causem a infecção na região.

São algumas das possíveis causas da incidência das bactérias na região do trato urinário:

  • Relações sexuais;
  • Má higienização;
  • Diabetes;
  • Mudanças hormonais;
  • Segurar muito tempo para urinar;
  • Ficar muito tempo sentado sem se movimentar;
  • Presença de bactérias no sistema gastrointestinal, que chegam até a bexiga através da região perineal;
  • Circulação sanguínea (casos raros);
  • Sistema imunológico fragilizado, pois facilita a entrada e ação de bactérias no organismo;
  • Pessoas com uretra menor são mais propícias a ter infecção urinária, como é no caso das mulheres; isso não significa que homens não podem ter também;
  • Uso de espermicida e alguns contraceptivos;
  • Uso de catéter para urinar;
  • Casos de pedras nos rins;
  • Aumento da próstata (auxilia no bloqueio do trato urinário);
  • Após a menopausa pode ficar mais frequente devido à baixa quantidade de estrogênio e seus efeitos no trato urinário;

Infecção urinária com sangue

A hematúria, ou sangue na infecção urinária, é uma condição preocupante, pois pode justificar algum sinal de agravamento do quadro. O sangue é sinal de lesão na mucosa da bexiga, gerando alguma inflamação, o que pode resultar numa urina avermelhada, mais ardência ao urinar e também maior odor. Um médico deve ser procurado com urgência. E, se já estiver tratando e essa condição ocorrer, comunicar ao médico para possível ajuste no tratamento.

Infecção urinária em homens

Mesmo sendo mais comuns entre as mulheres, os homens também não escapam. Esta condição nos homens geralmente está relacionada a problemas de cálculo renal ou a complicações na próstata, o que gera alterações no trato urinária e tendem à uma fácil proliferação de bactérias e possível infecção. A maior incidência é homens com mais de 50 anos de idade. Os sintomas e tratamentos são semelhantes aos das mulheres.

Infecção urinária na gravidez

As alterações hormonais durante a gravidez deixam as mulheres mais propensas a terem infecção urinária. Além disso, o fluxo de urina pode ser diminuído na gravidez, já que os hormônios da gestação deixam os músculos dos ureteres mais frouxos, o que diminui o fluxo de urina dos rins para a bexiga, o que dá mais tempo para as bactérias proliferarem antes de serem expelidas.

Existem também casos assintomáticos da doença durante a gravidez, por isso é importante sempre manter exames de sangue atualizados durante os 9 meses. Caso a doença não seja tratada, a tendência é um parto prematuro do bebê ou outras complicações. Para esses casos, o tratamento com antibióticos é a forma mais segura de tratar e não afetar o bebê nem a saúde da mãe.

Infecção urinária crônica

Infecções urinárias comuns podem surgir até duas vezes por ano. Quando mais frequentes que isso, pode ser considerada infecção urinária crônica, ou também infecção urinária de repetição. Pode ser necessário uso de medicamentos contínuos, mesmo quando a infecção do momento já tenha sido tratada, a fim de não surgir uma próxima.Infecção urinária crônica

Uma possível causa da repetição de infecções é o tratamento incorreto da anterior, como parar de tomar os medicamentos no meio da cartela, por exemplo. Essa persistência da bactéria no organismo da pessoa deve ser investigada melhor através de diversos exames médicos, para assim saber qual a melhor forma de tratar no momento e com o tempo.

Infecção urinária pega?

Apenas em casos raros que dependem de como está o sistema imunológico da pessoa, pode ser transmitida através de relações sexuais sem uso de preservativo, mas ainda assim não é considerada uma doença sexualmente transmissível, apenas o ato sexual que pode facilitar a migração das bactérias de um corpo para o outro.

Tratamentos para infecção urinária

No geral, o principal tratamento para infecção urinária é através do uso de antibióticos para combater as bactérias no organismo. Para aliviar dores e ardências, o médico também pode lhe indicar uma injeção momentânea ou uso diário para alívio algum analgésico. Mas vale ressaltar que tais remédios e tratamentos podem variar de acordo com o nível da doença na pessoa, como também o tipo de infecção e frequência que o paciente apresenta quadros de infecção, não só urinária.

Remédios para infecção urinária

Os principais medicamentos indicados para infecção urinária são antibióticos, disponíveis em diferentes nomes e fórmulas no mercado. O melhor para seu caso será dito pelo médico especialista após diagnosticar com os exames necessários. São alguns:

Amicacina; Amoxicilina + Clavulanato de Potássio; Amozilina; Androfloxin; Bactrim; Ceclor; Cefaclor; Cefadroxila; Cefalexina; Cefalotina; Ceftriaxona Dissódica; Ceftriaxona Sódica; Cetoprofeno; Ciprofloxacino; Cefanaxil; Cipro; Clocef; Clordox; Cystex; Doxiciclina; Hincomox; Monuril; Nitrofen; Norfloxacino.

Remédios caseiros para infecção urinária

  • Bicarbonato de sódio: Em 125 ml de água, misture ¼ de colher de sopa de bicarbonato de sódio. Beba 2 copos de água normal e em seguida beba essa mistura.
  • Mirtilo: Comer esta fruta pode ser muito benéfico, pois ajuda a impedir que bactérias grudem nas paredes do trato urinário para que sejam facilmente expelidas pela urina.
  • Leite de coco virgem: Atua sobre bactérias fortes, como é o caso desta. Beba diariamente duas colheres do leite de coco, sem refinar, podendo ser pela manhã em jejum e/ou antes de dormir.
  • Receitas com alho: Coma bastante alho na sua alimentação, pois nele contém substâncias antibactericidas naturais que se mostra eficaz contra inúmeras bactérias, incluindo as causadoras de infecção urinária. Uma boa receita de tratamento caseiro é socar dois dentes de alho e misturar numa xícara de água morna; deixe repousar por 5 minutos e beba essa mistura 3x ao dia.
  • Vitamina C: Garanta vitamina C na sua alimentação, pois aumenta sua imunidade, a urina também fica mais ácida e inibe a proliferação de bactérias; excelente no tratamento de infecções urinárias em grávidas.
Infecção Urinária: Causas, remédios, com sangue, em homem, tratamento
Avalie este post

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here