Método da temperatura basal: Como fazer, vantagens e desvantagens

0
698

Hoje em dia muitas mulheres têm o desejo de ser mãe, algumas tentam impedir o máximo possível uma gestação indesejável. E foi pensando nessas mulheres que começou ocorrer o método da temperatura basal, que ajuda orientar mulheres em seus períodos férteis.

Método da temperatura basal

O que é o método da temperatura basal?

O método da temperatura basal, como já foi dito ajuda mulheres que querem ou não ter uma gestação, o método ajuda informar a temperatura, assim, ajuda orientar se a temperatura corporal está aumentada,  e isso é o que indica se a mulher está no seu período fértil.

Para que o método da temperatura basal funcione o casal deve evitar a relação a partir do início do ciclo menstrual até pelo menos 48 a 72 horas após o dia em que ocorreu a elevação da temperatura basal.

O método da temperatura basal já foi muito usado antigamente, quando não existia outros métodos contraceptivos como a pílula anticoncepcional.

Antes da liberação do óvulo a temperatura basal diminui, e aumentando após o óvulo ser liberado.

Como fazer o método

A mulher que usa o método da temperatura basal deve medir sua temperatura todos os dias pela manhã, antes de se levantar por exemplo. E a medição sempre deve ocorrer da mesma forma, oral, vagina ou retal, e de preferência sempre no mesmo horário.

Neste período de medição a mulher não pode ter relações sem camisinha, pois quando a mulher entra no período fértil a temperatura consequentemente vai aumentar.

Ao perceber essa alteração na temperatura a mulher deve continuar evitando as relações sexuais por três dias, contando do dia que a temperatura aumentou. Desse dia em diante pode ter relações sexuais até a próxima menstruação.

Vale ressaltar que o método temperatura basal não protege de DSTS. O método também é indicado principalmente para casais com relações estáveis.

Qual a eficácia do método?

O método da temperatura basal apresenta 01 a 20% de falha, ou seja, de cada 100 mulheres que usam o método basal como barreira durante um  período de um ano, 01 a 20 mulheres podem vir a engravidar.

Efeitos colaterais do método

O método da temperatura basal não apresenta nenhuma contraindicação.

O que pode alterar os resultados na hora da medição da temperatura?

Se  mulher teve alguma doença, febre, se não está dormindo bem, ou se mudou de fuso horários. O método da temperatura basal pode ser afetada, assim a eficácia pode ser menor do que é o desejado.

Então vale ressaltar que a mulher tente ao máximo seguir tudo à risca, ter noites de sono tranquilas e boa alimentação para que o método da temperatura basal tenha a resposta esperada.

Quais as desvantagens do método basal?

Como já citamos, se a mulher obter alguma doença ou ter algum episódio de febre vai alterar a temperatura basal, ocorrendo um erro do cálculo;

Para evitar estes erros, é bom saber que, no mercado existem pequenos aparelhos computadorizados que fazem o cálculo dos dias férteis com base em vários dados.

Alguns possuem tiras de ovulação, que medem a concentração de dois hormônios na urina, que são o estradiol e LH, que se modificam nas diferentes fases do ciclo menstrual. Assim, a estimativa dos dias férteis é mais confiável.

Vantagens do método da temperatura basal

O método da temperatura basal vem chamando a atenção de muitos casais e mulheres pelo o número de vantagens, como:

  • O método da temperatura basal ajuda mulheres a se conhecerem melhor;
  • O método também ajuda casais a terem mais companheirismo;
  • Não existem contra indicações;
  • É um método que já é conhecido há muitos anos;
  • Não é preciso gastos financeiros;
  • Fácil aprendizagem;
  • Pode ser antes e depois da gravidez.

Quando ter relações sexuais

Quando a  mulher conseguir determinar o seu período fértil, ela deve ter relações sexuais dia sim e dia não, para controlar o método da temperatura basal. Por isso é importante conferir a temperatura basal diariamente.

Dica bônus

Não existem restrições para o método da temperatura basal, mas é preciso saber a forma correta de realizar a medição da temperatura. É importante que o companheiro também entenda os que não possa ocorrer a relação sexual.

Se você ficou curiosa sobre o método da temperatura basal, marque o mais rápido possível uma consulta com o seu ginecologista e tire todas as dúvidas sobre esse método que vem sendo uma ótima ajuda para as mulheres.

Avalie este post

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here