Queda de cabelo: Causa, tratamentos, vitaminas, produtos, transplante

0
81

Perder os fios pode ser algo bastante frustrante para as pessoas, tanto homens quanto mulheres. A queda de cabelo, ou alopecia, é um tipo de problema temporário ou não que pode ter sua causa justificada por diversos fatores, desde alimentação, nutrição a alguma reação ou até manifestação de doença.Queda de cabelo

Continue na leitura para entender mais sobre queda de cabelo!

Causas da queda de cabelo

Perder cabelo é considerado algo normal. Perdemos diariamente cerca de 50 a 100 fios, porém, conforme o envelhecimento ou manifestação de outro problema, essa queda de cabelo pode aumentar e afetar o bem-estar do indivíduo. Dentre os tipos de queda de cabelo estão a temporária e as permanentes.

Causas temporárias: Alterações hormonais, mudanças no metabolismo, uso de medicamentos (artrite, depressão, problemas cardíacos, pressão alta), tratamentos médicos (quimioterapia), gravidez, irregularidade no uso de anticoncepcionais, menopausa (durante as crises, o cabelo pode cair), problemas na tireoide (hormônios também), alopecia (sistema ataca os folículos capilares e causa queda de cabelo), infecções no couro cabeludo (micose), doenças de pele (lúpus e líquen plano), tricotilomania (doença em que a pessoa arranca os fios sem controle), excesso de vitamina A, falta de proteínas, hipotireoidismo, doenças autoimunes, perda de peso, excesso de química no cabelo, entre outros.

  • Causas permanentes: Fatores genéticos (calvície – em homens ou mulheres), envelhecimento natural (perda da força dos folículos capilares, raleamento e também redução na produção de novos fios – geralmente a partir dos 40 anos), menopausa (raleamento e queda – queda dos níveis de estrógeno), entre outros.

Queda de cabelo em homens e mulheres

Citamos acima diferentes causas possíveis para a queda de cabelo. Essas condições pode afetar tanto mulheres quanto homens; a maior parte dos casos acontece com os homens, pois calvície é um fator genético bastante comum; já com as mulheres, muitos casos são devido alterações hormonais.calvície

Para ambos, o envelhecimento pode trazer a queda e raleamento de cabelo; má alimentação, com poucas vitaminas e proteínas também prejudica a saúde do couro cabeludo; problemas emocionais como depressão e estresse também; doenças que atingem ambos os sexos e tratamentos também podem acarretar nessa queda. Para entender melhor quais as causas, consulte um médico dermatologista com frequência e explique seu caso.

Queda de cabelo pós-parto

Essa condição de perda de cabelo após o parto é comum e afeta muitas mulheres; é um problema que ocorre geralmente nos primeiros três meses após o bebê nascer e também durante o período de amamentação.

Tudo devido às alterações hormonais que ocorrem na mulher para ela se readaptar ao seu corpo de antes de ter engravidado.

Em paralelo com um dermatologista, a mulher pode fazer um tratamento com vitaminas, suplementos e produtos como shampoos e condicionadores específicos para evitar a queda de cabelo durante e após o período da gravidez.

Tratamentos para fazer o cabelo crescer

Os tratamentos vão desde melhoras na alimentação, a uso de suplementação com vitaminas e proteínas a mudanças de produtos e cosméticos para os cabelos. A melhor forma de saber qual o melhor tratamento para o seu caso é se consultando com uma dermatologista, descrevendo seu perfil de vida e atualizando exames médicos.

São algumas dicas e tratamentos:

  • Coma mais alimentos ricos em proteínas, como carnes, peixes, leites, ovos e iogurtes;
  • Massageie bem o couro cabeludo quando lavar e penteie com pente fino durantes vários minutos, essas ações estimulam bem a circulação sanguínea do couro cabeludo e ajuda no crescimento;
  • Ao lavar, não aplique condicionador na raiz do cabelo;
  • Evite usar chapéu e boné, pois eles abafam a raiz dos cabelos;
  • Evite também prender muito o cabelo ou fazer tranças apertadas, pois muita pressão no cabelo faz quebrar ou cair;
  • Hidrate pelo menos 1 vez por semana com um produto adequado ao seu tipo de cabelo ou receitas caseiras.
  • São alguns produtos que ajudam a fazer o cabelo crescer: Cremes de crescimento fortificado com cálcio; máscara de hidratação que cuidam da fibra capilar; cremes de combate à queda; restauradores (da raiz às pontas); complexos de vitaminas e aminoácidos; tônicos capilares; entre outros.

Tratamentos para calvície

Quem tem calvície pode fazer tratamentos com a ingestão de medicamentos, aplicação de cremes estimulantes, uso de perucas ou transplante de cabelo. Os remédios indicados para a condição são à base de hormônios, como o Finasterida, por exemplo, o qual estimula o crescimento do cabelo cerca de 3 a 6 meses após o tratamento. Mas quando a calvície é causada por doenças autoimunes, o uso de injeções locais com corticóides pode ajudar na volta da produção normal capilar.

Cremes também podem ser utilizados, como o Minoxidil, Ditranol e pomadas corticoides, que são cremes aplicados diretamente no couro cabeludo e estimulam crescimento de novos fios na região em que não existem.

Lembrando que cada pessoa reage de uma forma aos medicamentos; tem gente que reage bem, gente que tem alergias ou coceiras e gente que não para de ter queda de cabelo. Sendo assim, tenha necessariamente acompanhamento de uma dermatologista para lhe indicar o melhor.

Vitaminas para queda de cabelo

As principais vitaminas que auxiliam nos tratamentos de queda de cabelo, tanto quanto usado em cosméticos quanto consumidos através de alimentação e suplementação, são: vitamina D, ferro, vitamina C, vitaminas do complexo B e vitamina A, além de colágeno, queratina, elastina, ácido fólico, zinco, selênio, cromo, cálcio, dentre outros minerais, que, quando juntos, fazem total diferença.

Produtos contra queda de cabelo

A seguir, listaremos alguns dos melhores produtos contra queda de cabelo. Lembrando que cada caso é um caso, alguns deles podem ter contraindicações e que é melhor consultar um médico dermatologista antes de comprar e usar qualquer um deles:

  • Minoxidil: Para homens ou mulheres, estimula crescimento capilar em caso de calvície; produz cabelos mais fortes e volumosos.
  • Finasterida: Comprimido que inibe a conversão de testosterona em DHT, que é a principal causa da calvície; queda de cabelo solucionada em 50% dos casos;
  • Avicis: Atua da mesma forma que o Finasterida e também pode ser usada em tratamentos por fatores hormonais;
  • Pantogar: Complexo vitamínico que repõe nutrientes no couro cabeludo, principalmente em casos de má alimentação ou muita química no cabelo;
  • Follixin: Composto de vitaminas e minerais que evitam queda e promovem crescimento do cabelo; isso porque ajuda nos elementos em falta até atingir um equilíbrio para evitar a queda.

Transplante capilar x Implante capilar

O transplante capilar é mais uma opção para quem sofre de queda de cabelo permanente, como a calvície hereditária, por exemplo. Trata-se de um tratamento caro, de teor cirúrgico, e sim um método eficaz contra a queda de cabelo. Nesse procedimento, uma quantidade de fios de determinada região do couro cabeludo é retirada para ser recolocada em outra região atingida pela queda de cabelo.implante capilar

Muitos chamam este procedimento de implante capilar, o que não é correto. Implante refere-se a qualquer material artificial a ser colocado em alguma região do corpo para integrá-la, como seria se fossem fios de cabelo sintéticos; assim, os resultados seriam de curto prazo, os fios voltariam a cair e as cicatrizes na cabeça pareceriam furinhos.

No transplante capilar, a transferência feita é com fios originais da pessoa, visando a naturalidade do procedimento, volume e densidade dos novos fios e, principalmente, resultados prolongados.

Ficou interessado? Converse com seu dermatologista sobre seu caso e cite sua curiosidade sobre o assunto.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here