Rivotril: Saiba como funciona e conheça todos os efeitos colaterais

0
404

O Rivotril é um dos medicamentos mais conhecidos, pelo menos de nome. Utilizado para tratamentos psiquiátricos de depressão, ansiedade, síndrome do pânico e outras doenças, ele é extremamente forte e deve ser utilizado apenas com recomendação médica.Rivotril

Então se você quer saber tudo sobre esse medicamento, para quem é recomendado e os efeitos colaterais, continue lendo esse artigo e confira!

Onde comprar

O Rivotril é vendido em farmácias, porém sua venda é restrita para quem tem uma receita médica. Que é retida no estabelecimento e deve ser renovada com o médico quando for necessário comprar mais quantidade do medicamento.

O seu preço pode variar de estabelecimento a estabelecimento e pelo tipo, gotas, sublingual ou comprimido. Mas encontra-se na faixa de preço entre R$ 20 a R$ 70 reais.

O que é

O Rivotril é um dos ansiolíticos mais famosos para o tratamento de crises epiléticas, síndrome do pânico, ansiedade e outras doenças que precisam de medicamento de uso controlado. Ele é um remédio considerado tarja preta, o que significa que ele somente é vendido com receita médica, que é retida no estabelecimento para que não haja fraude.

Por ser um medicamento muito forte, seu uso é controlado e somente é recomendado por um médico que irá avaliar cada caso e receitar o rivotril, caso não exista outra opção.

A principal composição do Rivotril é o clonazepam, que atua no sistema nervoso central e ajuda no tratamento de convulsões atuando como um sedativo, relaxante muscular e como um tranquilizante. Seu efeito começa em pouco tempo após a ingestão, entre 30 a 60 minutos, e tem duração de em média 6 horas.

Para quem serve?

O Rivotril é um medicamento recomendado para tratar os distúrbios de humor, ansiedade, síndromes diversas, principalmente  a síndrome do pânico, a depressão, síndrome de equilíbrio e outros distúrbios que são identificados por médicos.

O Rivotril não deve ser tomado sem orientação médica, mesmo que você apresente sintomas de qualquer uma das doenças citadas acima, não se medique sem consultar um médico.

Além disso, a venda desse medicamento não é feita sem a receita médica, por isso você não conseguirá comprar esse remédio facilmente.

Como usar

O Rivotril é comercializado em gotas, sublingual ou em comprimidos. O tempo médio de uso desse medicamento varia de acordo com o distúrbio que o paciente apresenta e a gravidade. Algumas pessoas podem ter que tomar o rivotril por um mês, enquanto outras podem ter que fazer o uso desse remédio durante anos.

Porém é necessário sempre uma consulta periódica ao seu médico, tanto para a renovação da receita, quanto para aumento ou diminuição das dosagens desse medicamento.

Além disso, cada caso onde é necessário fazer uso do rivotril para o tratamento é tratado individualmente, por isso a dosagem pode variar de pessoa a pessoa. Mas existe uma dosagem que é mais utilizada, veja abaixo:

Rivotril em gotas

Essa versão do medicamento deve ser consumida com a quantidade de gotas exatamente igual a recomendada pelo médico. Ele deve ser dissolvido em um pouco de água antes do consumo.

Rivotril Sublingual

Os comprimidos sublinguais devem ser colocados logo abaixo da língua para que sejam dissolvidos na saliva. O tempo médio para ser dissolvido é de 3 minutos.

Rivotril em comprimidos

Deve-se tomar a quantidade recomendada pelo médico em comprimidos sem partir. Tome o comprimido do rivotril com um pouco de líquido, desde que não seja alcoólico.

Rivotril embalagens

 

Efeitos colaterais

O Rivotril é um medicamento que pode apresentar efeitos colaterais para os pacientes que o usam, caso os efeitos sejam prolongados, ou atrapalhem o dia a dia é preciso suspender o uso e procurar um médico, para não causar maiores problemas de saúde.

Os principais efeitos colaterais são:

  • Insônia
  • Enjoo
  • Irritabilidade
  • variação de humor
  • sono
  • cansaço
  • falta de atenção
  • dificuldade em coordenação
  • perda de equilíbrio
  • palpitações
  • falta de apetite
  • vômito
  • fadiga
  • tontura
  • fraqueza muscular
  • cólicas menstruais
  • dificuldade em urinar
  • amnésia
  • alucinações

Em sinal de qualquer um desses efeitos colaterais por períodos longos é necessário procurar seu médico para que ele avalie a suspensão do medicamento ou mudança na dosagem.

Além disso, o Rivotril pode causa dependência, e a super dosagem pode trazer sérios danos para o organismo, por isso, em hipótese nenhuma tome uma dose maior que a destinada ao seu tratamento, ou deixe de informar o seu médico sobre os efeitos colaterais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here